AS MANIFESTAÇÕES DE RUA.

       Na sua edição de 22 de abril de 2015, a revista Veja escreveu assim, na capa: “Espécie em extinção? Dois tesoureiros presos, uma presidente que terceirizou o poder, bancadas parlamentares envergonhadas e um escândalo atrás do outro. Nem o PT resiste”. Não é pra menos. As manifestações de rua que temos assistido mostram que a sociedade brasileira vem percebendo isso, e muito mais, pelo menos desde a posse da presidente Dilma para o seu segundo mandato. Ninguém mais tem qualquer dúvida sobre a podridão moral e governamental que toma conta da presidente, do Congresso Nacional e até mesmo do nosso Poder Judiciário. Por isso, a presidente Dilma perdeu as rédeas do governo. “A prisão do tesoureiro do PT, João Vaccari, mostra que o partido atuava no governo como uma organização criminosa e envolve a campanha da presidente Dilma Rousseff no escândalo da Petrobras”, escreveu Veja nessa mesma edição. O povo está se manifestando nas ruas sobre e contra todos esses escândalos, mostrando que os desmandos e os roubos no governo já foram muito além do que se supunha fossem capazes. Nada disso me surpreende, contudo. Nunca tive dúvidas sobre a verdadeira cara do PT, desde que assumiu o Poder, com o Lula. Particularmente sobre o Lula, não é fácil saber se ele era um homem intimamente puro à época da fundação do PT ou se ele se corrompeu depois, perdendo então a sua “virgindade”. Todos nós sabemos que quase sempre o poder corrompe. (Veja-se o caso do presidente Collor de Mello). Acho eu – é pouco mais do que um palpite - que o Lula já nasceu corrupto, sendo portanto fácil pra ele entrar nesse barco da corrupção.

< Voltar